Yasmin Brunet apoia concunhada, processada pela mãe de Medina

A modelo disse que torce para Bruna Bordini, que está em um hospital com a filha, se reencontrar em breve com o marido.

Yasmin Brunet prestou solidariedade à concunhada Bruna Medina nas redes sociais nesta quinta-feira (10). Isso porque, a mulher do irmão de Gabriel Medina está com a filha, Analua, de 1 ano, em um hospital, e está sendo processada pela sogra, Simone Medina — que completou 51 anos ontem.

Bruna não deu muitos detalhes do motivo de estar internada com a filha e tampouco comentou a ação movida contra ela pela mãe de seu marido, Felipe Medina. Em uma foto, a influenciadora apenas disse que está ansiosa para reunir a família outra vez. “Não vejo a hora de estarmos assim juntinhos. Espero o tempo que for, aprendo a conviver com essa saudade porque sei que vai valer a pena quando estivermos juntos e assim sempre será! Está feito”, escreveu ela.

Em forma de ajuda, Yasmin disse que acredita que tudo se resolverá em breve. “Amém. Tudo vai ficar bem”, comentou.

Desde que Gabriel Medina dispensou a ajuda dos pais em sua carreira como surfista, a família vive em uma polêmica. Em abril deste ano, Bruna contou que foi expulsa da casa que vivia com a filha e o marido em Maresias, mas não disse exatamente por quem.

Também sem citar quaisquer nomes, Yasmin e o marido já demonstraram apoio a Bruna e Felipe após os últimos acontecimentos envolvendo toda a família.

Após o atleta cortar laços com os pais, a mulher do irmão dele, a influenciadora digital Bruna Bordini Medina, revelou que foi expulsa da casa onde morava, em Maresias (SP), por optar ficar em casa cuidando da filha do casal, de 1 ano.

Deixe uma resposta