Vizinhos invadem e depredam casa de família que prendeu criança em barril

Tio da vítima interrompeu destruição antes que toda a casa fosse vandalizada.

Vizinhos da casa onde o menino de 11 anos foi mantido preso dentro de um barril, em Campinas (SP), invadiram e depredaram a residência onde a família vivia. As informações são do portal Uol.

A invasão ocorreu entre 21h e 22h30. O tio vítima, que mora no mesmo bairro, soube do ocorrido e foi até o local para evitar que a casa fosse ainda mais destruída. “Eu fui lá pedir para o pessoal parar com isso. Essa não é a forma de se cobrar justiça. Meu irmão errou, todos sabemos disso. Mas, destruir a casa me parece uma atitude desnecessária”, disse ao portal.

Apesar da estrutura física não ter sido afetada, a parte de dentro da casa ficou bastante destruída. A Polícia Militar não chegou a ser acionada.

O pai, a madrasta e a filha dela seguem presos. Segundo o site, o Tribunal de Justiça de São Paulo transformou a prisão em flagrante por preventiva para que possam aguardar o término das investigações dos detidos.

O pai do menino responderá por tortura, já a madrasta e a meia-irmã, por omissão. Agora, a investigação é comandada pela 1ª Delegacia de Defesa da Mulher de Campinas, que está ouvindo vizinhos e outros familiares para tentar entender como eles conviviam e há quanto tempo o menino era submetido aos maus-tratos.

A vítima está internada no Hospital Ouro Verde. De acordo com a equipe médica, o menino chegou com 27kg e precisa pesar 35kg para ter alta. De acordo com o Uol, ele já está na casa dos 30kg e seu estado de saúde é considerado “bom”. Varela

Deixe uma resposta