Vacina falsificada contra Covid-19 está sendo vendida por camelôs do Rio de Janeiro

Embalagem da vacina “alternativa” visa imitar a Coronavac.

Alguns camelôs de Madureira, zona norte do Rio de Janeiro, estão vendendo vacinas falsificadas contra Covid-19 por R$50, com direito a “certificado de vacinação”.

De acordo com a coluna Balaio do Kotscho, do UOL, caso queira receber a aplicação na hora, o cliente paga mais R$10. É importante salientar que esse produto não tem nenhum tipo de recomendação das autoridades de saúde. 

A embalagem da vacina “alternativa” visa imitar a Coronavac, vacina chinesa produzida em parceria com o Instituto Butantan, que começará a imunizar a população de São Paulo no dia 25 de janeiro.

utoridades alertam que não se trata do imunizador, portanto, os efeitos colaterais do que quer que esteja incluído no produto falso são também desconhecidos.

Crime

Falsificar, corromper, adulterar ou, inclusive, alterar produto destinado para fins medicinais é crime hediondo e passível de reclusão de até 15 anos. Varela

Deixe uma resposta