TSE cassa mandato de Targino Machado e Geilson pode assumir

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cassou por unanimidade o mandato do deputado estadual Targino Machado (DEM), na noite desta terça-feira (06/10). Os sete ministro votaram favoráveis a cassação do mandato.

Targino foi acusado de abuso de poder econômico após se envolver em polêmicas com importantes integrantes do governo baiano. Denúncias feitas contra o político apontaram que ele realizava atendimentos médicos em Feira de Santana durante a eleição de 2018.

Com a decisão, o primeiro suplente Tiago Correia (PSDB) deverá ser efetivado como deputado estadual. Atualmente o tucano ocupa a vaga do secretário de Saúde da capital baiana, Leo Prates (PDT). Com isso, abre espaço para Carlos Geilson, que é candidato a prefeito de Feira de Santana. Porém, Geilson, que fazia parte do grupo de ACM Neto, hoje faz parte da base de apoio ao governador Rui Costa. Informe baiano

Deixe uma resposta