DestaquesEsporte

Técnico admite atuação abaixo do goleiro, mas diz que Coritiba sofreu gols “bobos” no revés para o Bahia

O técnico Thiago Kosloski admitiu atuação abaixo do goleiro Luan Polli na derrota do Coritiba para o Bahia por 4 a 2, na noite desta quinta-feira (14), no Couto Pereira, pela 23ª rodada do Brasileirão. No entanto, o treinador dividiu a culpa no time paranaense apontando "falhas bobas" nos gols sofridos. "Tiveram algumas falhas, mas não é só culpa dele. É culpa do clube, da equipe, do setor defensivo, do setor ofensivo. Em nenhum momento passou (de ser substituído). O Luan já brigou contra o rebaixamento, é experiente. Ele tem nossa confiança e, infelizmente, não foi a noite dele", avaliou na entrevista coletiva. "Existem situações que a parte tática não controla. O momento é extremamente difícil, complicado, com pressão correta do torcedor. Temos que ter maturidade para que a gente pare de levar gols. O detalhe vem sangrando a gente. Estamos levando gols de formas bobas, infantis", completou. Luan Polli cometeu algumas falhas ao longo da partida. Após Sebastian Gómez abrir o placar para o Coxa no primeiro minuto de bola rolando, ele saiu mal e Everaldo quase empatou a partida. Aos 10, ele voltou a errar, mas desta vez Rafael Ratão aproveitou para estufar as redes a favor do time baiano. Aos 29, ele saiu mal e Thaciano tocou para a meta vazia. O terceiro tento do Tricolor veio após o arqueiro espalmar para a pequena área e Ademir pegar o rebote. No segundo tempo, o camisa 27 não conseguiu cortar e Biel anotou o quarto. O Coritiba segue na lanterna da tabela de classificação estacionado nos 14 pontos. Já o Bahia, assumiu o 15º lugar e abriu quatro de vantagem sobre a zona de rebaixamento. Na próxima quinta (21), às 19h, o Coxa visita o Vasco, que é o 18º com 17 pontos, em São Januário, pela 24ª rodada. O Tricolor também terá outro adversário direto, que será o Santos, abrindo a degola em 17º, na próxima segunda (18), às 20h, na Arena Fonte Nova.Bahia Noticias

Deixe um comentário