Seleção apoia Neymar após atacante dizer que Copa no Catar pode ser sua última

Após afirmar que a Copa do Mundo de 2022 pode ser a última da sua carreira, o atacante Neymar ganhou apoio dos colegas da Seleção Brasileira. Aos 29 anos, o jogador da seleção brasileira acredita que não “vai ter cabeça” para estar jogando em alto nível com chances de jogar o Mundial de 2026, na América do Norte.

Na manhã desta terça-feira, 12, o veterano Thiago Silva, um dos líderes da Seleção, postou uma foto em que aparece abraçando Neymar. “Se você precisar de alguém que seja forte por você, saiba que sempre estarei aqui! A família Silva te ama”, postou o defensor de 37 anos.

Outro que declarou apoio a Neymar foi o volante Fred, em entrevista coletiva depois do jogo contra a Colômbia. “Todos sabem da pressão que ele sente, mas estamos muito felizes com ele na Seleção. Esperamos fazer grande Copa, buscar o título e esperamos isso. Mas é difícil falar isso… A gente torce que ele fique por muito tempo na Seleção, pela qualidade do futebol, pelo grande jogador que é. Torcemos para que fique muitos anos com a gente. Difícil falar mentalmente de outra pessoa. É um dos melhores jogadores que a gente já viu no Brasil”, disse Fred.

O perfil da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e o próprio perfil emprarial do atacante fizeram questão de resgatar momentos de carinho de crianças com o jogador, como a selfie de um menino colombiano chorando ao encontrar o craque.

Neymar e a Seleção Brasileira voltam a campo na próxima quinta-feira, 14, contra o Uruguai, em Manaus. O Brasil lidera as Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo, com 28 pontos. Na última partida, perdeu o 100% de aproveitamento ao empatar em 0 a 0 com a Colômbia, em partida que o camisa 10 foi muito criticado. A Tarde

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: