“Se não há condições mínimas para empresário investir, não tem país”, afirma CEO da XP

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×

O CEO e fundador da XP Investimentos, o economista Guilherme Benchimol, afirma que o governo Jair Bolsonaro vem colocando uma prática um politica econômica saudável para o país no longo prazo. O executivo esteve em Salvador nesta quarta-feira, 30, quando fez uma palestra para investidores na sede da Associação Comercial da Bahia (ACB), a convite da própria ACB e da BP Investimentos.

Em entrevista, Benchimol fez sua avaliação sobre os 10 meses de governo do presidente Jair Bolsonaro, eleito no ano passado sob alta expectativa do mercado financeiro. “O que vejo com muita clareza é que a política econômica conduzida pelo ministro Paulo Guedes [Economia] é uma política interessante. Vem fazendo com que a dependência do país em relação a investimentos do governo fique menor. A interferência pública na economia fica menor, o que a longo prazo é saudável. Quando se tem a iniciativa privada sendo a locomotiva do processo, a gente tem serviços melhores, produtos mais baratos, e o governo pode investir em áreas mais importantes, porque não está perdendo foco em coisas que não são tão relevantes”, apontou.

Para o economista, novos investidores no país só serão atraídos se houver uma política macroeconômica austera. “Com juros de 5% ao ano, e acho que vai ficar menor, cada vez mais as pessoas vão buscar alternativas de investimentos. Eu diria que a alavanca mais importante é ter um país austero, que possa conduzir as contas públicas de forma correta, porque isso faz com que os juros fiquem menores. E quem puxa o país são os empresários, geram empregos. Se não há condições mínimas para que os empresários possam investir, ampliar indústrias, fábricas, não tem país. Acho que a educação financeira é um tema necessário, justamente porque esse ambiente anterior mudou no país”, defendeu.

Jornal aTarde

Deixe uma resposta

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×