Protesto na Barra contra morte de policial que surtou

Policiais, amigos e familiares do soldado Wesley Soares fazem um protesto pacífico na manhã desta segunda-feira (29/03), no Farol da Barra, em Salvador. Eles questionam a ação coordenada pelo Batalhão de Operações Especiais (BOPE), que reagiu ao disparo de fuzil efetuado pelo militar.

Wesley foi ferido, acabou socorrido para o Hospital Geral do Estado, onde passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos. Os manifestantes acreditam que os negociadores deveriam esgotar o diálogo e aguardar familiares para conversar com o militar.

No local onde ocorreu a tragédia, os colegas pintaram o nome de Wesley no chão com tinta vermelha. Também colocaram um buquê de flores e uma farda da PM.

Informe baiano

Deixe uma resposta