Procurador que espancou chefe foi preso em hospital psiquiátrico; vídeo

Um vídeo divulgado pela Polícia Civil mostra o momento em que o procurador Demétrius Oliveira de Macedo, de 34 anos, é preso na manhã desta quinta-feira (23). Ele estava em um hospital psiquiátrico em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo. A prisão foi determinada pela Justiça depois que ele agrediu a chefe, a procuradora-geral Gabriela Samadello MOnteiro de Barros, de 39 anos.

Em entrevista, o delegado-geral de São Paulo, Osvaldo Nico Gonçalves, disse que Demétrius buscou o internamento em uma clínica, diz o G1.

Agora, o procurador vai ser levado ao Palácio da Polícia, na capital paulista, e depois segue para exame de corpo de delito no IML. Ao final, será encaminhado para Registro, no interior do estado, onde aconteceu a agressão e onde ficará preso.

Nas redes sociais, o governador do estado, Rodrigo Garcia (PSDB), disse que o procurador sofrerá o peso da lei. "Que a Justiça faça a sua parte agora e use contra ele todo o peso da lei. Agressor de mulher vai pra cadeia aqui em SP. Denuncie sempre", escreveu.

No dia da agressão, Demétrius chegou a ser levado à 1ª Delegacia de Registro, mas não ficou preso porque não havia flagrante, segundo a polícia. Ele foi ouvido, alegando que sofria assédio moral no trabalho, e liberado depois da elaboração do boletim de ocorrência.

Ontem, a prisão foi decretada pela Justiça, após pedido da polícia, que justificou que a liberdade do procurador coloca em risco a vítima e outras colegas de trabalho dos dois. No mesmo dia, a polícia foi até a casa de Demétrius, mas não o encontrou.

Fonte: Correio 24hs

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: