Palocci diz a Moro que está disposto a revelar “nomes e operações”

Antonio Palocci, ex-ministro dos governos Lula e Dilma, disse em depoimento nesta quinta (20) ao juiz Sergio Moro, em Curitiba, que poderia repassar em sigilo informações “que vão ser certamente do interesse da Lava Jato”.

O depoimento de Palocci foi marcado por uma série de elogios à operação que levou para a cadeia ele próprio e outros quadros expressivos do PT.

O ex-ministro também sinalizou algumas vezes durante sua fala que tem revelações a fazer caso uma possível delação premiada seja autorizada pela força-tarefa.

Segundo o jornal “Folha de S. Paulo”, há cerca de duas semanas Palocci teve uma reunião com a Lava Jato em Curitiba, onde está preso desde setembro de 2016, para negociar sua colaboração.

Fonte: Uol