Mamacita tombada: Karol Conká é eliminada do BBB21 com novo recorde de rejeição

Maior rejeição havia sido atingida por Nego Di na semana anterior, quando o humorista deixou a casa com 98,76% de rejeição.

Era pra tombar e ela foi tombada. A rapper Karol Conká deixou o Big Brother Brasil 21 na noite desta terça-feira (24) com o maior índice de rejeição da história do programa. Foram 99,17% de votos para a agora ex-BBB.

Ela enfrentou o instrutor de crossfit Arthur, que recebeu 0,54% dos votos, e o economista Gilberto, que teve apenas 0,29% dos votos. Vale lembrar que italianos votaram no reality brasileiro em represália à participação de brasileiros na versão italiana do BBB.

“Eu amei conhecer vocês! O que acontece aqui fica aqui. Lá fora é um outro rolê”, disse Karol aos participantes que ficaram.

Entre os motivos que levaram Karol a ter a maior rejeição no programa estão acusações de xenofobia com a participante paraibana Juliette, abuso psicológico com Lucas Penteado, que desistiu do programa, a briga com a atriz Carla Diaz, a suposta relação abusiva com Bil Araújo, a recente briga com Camila De Lucas, quando a rapper apresentou versões diferentes.

Vale lembrar que a rejeição da sister no programa deve ser mantido dentro da casa, e não nas ruas.

Deixe uma resposta