Justiça decreta prisão de empresário acusado de atropelar e matar dentista no sul da Bahia

A Justiça baiana decretou a prisão preventiva do empresário suspeito de atropelar e matar a dentista Ranitla Bonella, de 23 anos, no trecho urbano da BA-001. Tharcísio Aguiar se apresentou na delegacia de Ilhéus, no dia 13 junho, quando foi foi ouvido pela polícia e liberado em seguida. A Justiça também suspendeu a habilitação do investigado. O caso aconteceu no dia 11 de junho.

A vítima era recém-formada e estava na cidade para fazer uma especialização em ortodontia. Ela foi atingida pelo veículo no momento em que atravessava a rodovia, em uma faixa de segurança. A jovem foi arremessada e chegou a bater em um guard rail.

Na última quarta-feira (15) familiares e amigos da dentista realizaram uma manifestação na BA-001 pedindo justiça após a morte de jovem.

"A cada relato a gente vê que o que aconteceu com minha filha não foi um acidente. Ele foi assassinada brutalmente, tiraram a vida da minha filha, esse monstro…", disse a mãe da jovem, Romênia, à TV Bahia. "Quantas vezes ela fez esse percurso e te garanto, ela fez da forma correta, como dá para ver, ela estava na faixa de pedestre quando esse bandido, assassino, atingiu a minha filha, tirou a vida da minha filha, olhou pro corpo da minha filhinha jogado no chão e foi olhar se o carro dele tinha amassado", afirmou, em meio a lágrimas. "Ele matou a minha filha e precisa pagar por isso".

Fonte: Correio 24hs

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: