Homem que espancou ex-mulher até a morte no bairro do Uruguai é preso em Santa Catarina

O crime brutal foi no dia 27 de dezembro de 2019 e aconteceu na casa de Renata Caroline Paiva do Carmo, 29 anos, no bairro do Uruguai, em Salvador. O acusado, Ubirajara de Santana Júnior, não aceitou o pedido de separação e invadiu a casa da vítima, que foi espancada até a morte.

O casal tinha duas filhas: uma de 12 e outra de 2 anos. A mais velha presenciou o feminicídio e chegou a pedir socorro a avó, que mora no mesmo prédio, mas não deu tempo. Familiares contaram que Renata viveu um relacionamento abusivo com o assassino por 13 anos.

Conforme a polícia, o homem foi preso na tarde desta quinta-feira (19/11), em Florianópolis, no estado de Santa Catarina, enquanto cortava o cabelo em uma barbearia.

Ubirajara estava no estado do sul do país porque conheceu uma mulher de Florianópolis na Bahia e iniciou um novo relacionamento. Ele, então, juntou o útil ao agradável e se mudou de mala e cuia. Aos policiais, confessou o crime e foi encaminhado para o presídio de Florianópolis. Informe baiano

Deixe uma resposta