Dançarina de pagode é assassinada a tiros no Cabula

A dançarina e cantora baiana Ana Cláudia Nunes da Cruz, de 29 anos, conhecida como Aninha, foi assassinada a tiros, na madrugada desta segunda-feira (6), no bairro do Cabula, em Salvador. 
 
Segundo o Balanço Geral, Aninha estava em uma moto com o companheiro, na Avenida Luís Eduardo Magalhães, quando dois homens, também em uma motocicleta, dispararam diversos tiros na dançarina. Apenas um disparo atingiu a vítima. 

A polícia está investigando se o crime tem relação com brigas de facções rivais. Os agentes também já realizaram a perícia no local onde a dançarina foi assassinada. 

Outro caso envolvendo dançarina

Em 2019, a dançarina da Banda La Fúria foi esfaqueada no bairro de Itapuã. Conhecida como Japinha Negra Japa, Elizabete Gonçalves foi golpeada no pulmão após ser atacada pela ex-namorada de um rapaz com quem ela estava se envolvendo. Na época, a dançarina relatou que estava recebendo ameaça de morte pela autora da agressão. Ao BNews, ela contou os detalhes sobre o caso.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: