Considerado o cão mais alto do mundo, Freddy morre aos 8 anos

Ele media 103,5cm da pata ao ponto mais alto das costas e chegava a 2,26m quando ficava em pé sobre as patas traseiras e foi reconhecido em 2016.

O dogue alemão Freddy, reconhecido pelo Livro dos Recordes Mundiais como o cão mais alto do mundo, morreu na quarta-feira (27), segundo informou o próprio livro.

Ele media 103,5cm da pata ao ponto mais alto das costas e chegava a 2,26m quando ficava em pé sobre as patas traseiras e foi reconhecido em 2016.

Sua tutora, Claire Stoneman, afirmou estar devastada com a morte de Freddy: “Ele não era só o cão mais alto, mas o cão com mais amor e com o maior coração. Ele era minha vida, minha razão, minha alegria. Minha felicidade e minha tristeza final. Era meu coração. Meu um em um milhão, amado por todo o mundo”, disse ela ao livro.

“Eu ainda não consigo acreditar que ele era o menor da ninhada. Freddy trouxe um sorriso ao rosto de todos e fará falta para todos no Guinness World Records. Estou muito feliz por termos a chance de celebrar sua imensidão recorde nos livros e compartilhe sua história com milhões de pessoas ao redor do mundo”, completou Stoneman.

Varela

Deixe uma resposta