Casal de namorados é preso após corpo de jovem de 18 anos ser encontrado no RJ

Os dois foram alvos de prisão temporária e responderão pelos crimes de homicídio qualificado por feminicídio e ocultação de cadáver.

Um casal de namorados foi preso nesta quinta-feira (04) por suspeitas de participação na morte da jovem Jeniffer Capella, de 18 anos, em Magé, no Rio de Janeiro, após o corpo dela ser encontrado.

Os dois foram alvos de prisão temporária e responderão pelos crimes de homicídio qualificado por feminicídio e ocultação de cadáver.

O homem, de prenome Jorge, teria dito que não se arrependeu do crime e faria de novo. Ele acreditou, porém, que o corpo não seria encontrado. As informações são do jornal Extra e foram obtidas com o delegado Uriel Alcântara, titular da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF).

Segundo a polícia, na noite em que desapareceu, Jenifer foi para a casa de Jorge, onde teria sido esganada até desmaiar. Em seguida, ela teve o pescoço cortado, o que lhe causou a morte.

Seu corpo teria sido enrolado em um edredom na casa em que Jorge mora com a mãe, que não estava presente. No dia seguinte, já na presença da namorada do suspeito, que também foi presa, o corpo foi enterrado no quintal do vizinho, onde há uma casa em construção. A namorada de Jorge. Varela

Deixe uma resposta