Base reage à declaração de Rui sobre 2022: “Chegou a vez do senador Otto Alencar”

Em resposta ao governador Rui Costa (PT), que disse em entrevista que o senador e ex-governador Jaques Wagner (PT) era um nome de “tendência” da sigla para as eleições do governo do estado em 2022, partidos da base do governo sinalizaram que também querem apresentar nomes para a disputa, abrindo um cisma entre os aliados.  

A base entende que o momento é de “oxigenação no arco de aliança do governador da Bahia” e defende que o candidato escolhido para 2022 seja o senador do PSD Otto Alencar. A avaliação é que ACM Neto saiu fortalecido das eleições municipais deste ano, com previsão de disputa mais acirrada em 2022, já que o cenário que se desenha é de uma candidatura do próprio Neto.

“Agora chegou a vez do senador Otto Alencar (PSD) ser o próximo candidato do grupo a governador da Bahia. Talvez eu seja o primeiro deputado do partido, dos seis deputados que hoje formam a maior bancada estadual eleita pelo PSD no país para o Congresso Nacional, a manifestar sobre esse sentimento que é de todos. Otto é um dos homens mais íntegros e dos mais respeitados na política baiana. Já foi tudo: governador, vice-governador, secretário de Infraestrutura; então eu acho que agora ele está mais do que preparado para que os partidos da base do Governador Rui Costa (PT), que estão juntos há 16 anos e, por tudo que o PSD fez e representa,  por ter sido um aliado fiel desde o governador Jaques Wagner (PT), dar esse voto de confiança, esse apoio para o senador”, pontuou o deputado federal Charles Fernandes (PSD), da base governista. 

É a primeira reação contrária por parte da base do governo ao nome de Wagner para a disputa. Portal À Tarde 

Deixe uma resposta