Após coletivo ser incendiado, rodoviários deixam de circular em Sussuarana Velha

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×

Os moradores do bairro da Sussuarana Velha, em Salvador, amanheceram sem ônibus nesta terça-feira, 3. A medida foi estabelecida pelo Sindicato dos Rodoviários, após um coletivo ser incendiado por criminosos, na noite de segunda-feira, 2.

“Estamos sem ônibus lá e sem previsão de retorno”, informou o vice-presidente do Sindicato, Fábio Primo, ao Portal A TARDE. O sindicalista contou que a ação emergencial visa preservar a integridade física dos trabalhadores. Ainda segundo ele, os ocupantes do ônibus da Integra, que realiza o itinerário do miolo (verde), não sofreram ferimentos. 

De acordo com o Centro Integrado de Comunicação das polícias (Cicom), a ocorrência foi registrada por volta das 22h30, na Avenida Ulisses Guimarães, ao lado de um posto de combustíveis. Equipes da Polícia Militar foram enviadas ao local, mas não há registro de presos. O órgão não soube informar a motivação do ataque ao ônibus, que será investigada pela polícia. 

Confronto

Em nota, a Polícia Militar informou que a 48ª CIPM foi acionada por populares. A guarnição acionou o Corpo de Bombeiros, que controlou o incêndio, e permaneceu no local.

“A motivação teria sido porque na tarde de segunda-feira (2), policiais militares da 58ª CIPM do serviço de motopatrulhamento realizavam ronda na Baixa da Paz, no bairro de Sussuarana. No local, a guarnição da PM foi recebida a tiros por alguns indivíduos e houve revide. Após cessar os disparos, os policiais localizaram um homem ao solo que foi imediatamente socorrido para o Hospital Roberto Santos, onde não resistiu”, informou a PM. 

Ainda segundo a nota, equipes da 48ª CIPM e da Companhia Independente de Policiamento Tático/Rondesp Central intensificaram o policiamento no bairro após o ataque.

Jornal a Tarde

Deixe uma resposta

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×