Aos 43 anos, Formiga faz último jogo pela Seleção Brasileira nesta quinta

Foto: Sam Robles/CBF

Aos 43 anos, a volante Formiga coloca um ponto final na sua bela trajetória como jogadora da Seleção Brasileira. Depois de 26 anos de serviços prestados, ela fará sua última partida pela seleção na noite desta quinta-feira, 25, diante da Índia, na Arena da Amazônia, em Manaus.

Ao todo, são 26 anos de serviços prestados à Seleção Brasileira. Nesse intervalo, a meia somou 151 vitórias, 35 empates, 47 derrotas e 37 gols marcados pelo seu país. A camisa 8 já soma mais de 20 mil minutos, em 233 jogos disputados com a Amarelinha. Durante sua carreira, Formiga participou de todos os sete Jogos Olímpicos da história do futebol feminino e de sete dos oito Mundiais disputados até então.

“Não sei nem o que dizer. É uma junção de sentimentos. Uma sensação de dever cumprido. Sinto que meu trabalho não está sendo em vão. Pela primeira vez não estou pronta, brinco que já nasci pronta, mas pronta para isso aqui, com certeza não estou (risos). Mas está sendo fantástico. Espero que todas as meninas entendam que o trabalho continua, espero que ela continuem contribuindo muito para o crescimento do futebol feminino no país”, destacou Formiga, à CBF TV, durante seu último treino pela Seleção Brasileira.

A volante esteve com a Seleção em todas as Olimpíadas desde que o futebol feminino começou a ser disputado, em Atlanta 1996. De todas as Copas do Mundo, só não participou da primeira, em 1991. A sétima e última participação olímpica de Formiga, em Tóquio 2020, marca um momento de renovação da Seleção Brasileira.

No dia da sua despedida, Formiga já recebeu diversas homenagens e mensagens carinhosas de outros ícones da Seleção Brasileira. “A história dela fala por si. Um exemplo de perseverança e dedicação. Uma das pessoas mais amadas do mundo”, disse Marta, brasileira eleita seis vezes a melhor jogadora do mundo.

Pelé também deixou sua mensagem para a volante. “Formiga, minha querida, queria lhe dar os parabéns, de todo coração. Parabéns e viva o nosso Brasil. Viva, Formiga!”, disse o histórico camisa 10.

Outra colega de Formiga, Cristiane mandou a sua mensagem. “Uma atleta que mudou muito a nossa história dentro da Seleção, dentro do esporte. O tipo de atleta que é histórica”, falou Cristiane.

“Não acredito que ninguém possa replicar o que você fez em campo. Você é única, fora da curva, sem igual!”, falou a também vencedora do título de melhor do mundo, a jogadora americana Megan Rapinoe.

A lista dos que mandaram sua felicitações pela carreira e fizeram homenagem para a despedida também conta com Alisson, Carli Lloyd, Christiane Endler, Christiane Endler, Christine Sinclair, Daniel Alves, Danilo, Dunga, Galvão Bueno, Kaká, Marquinhos, Thiago Silva, Roberto Carlos, Neymar, entre outros. A Tarde

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: