Advogado é morto a tiros em frente à Câmara de Vereadores de Saúde

Reprodução

Ele era assessor jurídico e tinha acabado de sair de sessão.

O advogado Lucimário de Queiroz Menezes, 36 anos, foi assassinado a tiros na noite da segunda-feira (14) em frente à Câmara de Vereadores da cidade de Saúde, onde atuava como assessor jurídico.

Segundo testemunhas, o criminoso chegou andando e já esperava do lado de fora quando Lucimário saiu. Ele atirou várias vezes, atingindo o advogado nas costas e na cabeça. Depois, pegou a celular da vítima e fugiu.

O crime aconteceu logo após uma sessâo na Câmara. Uma funcionária do local foi atingida de raspão e precisou de atendimento médico.

Em nota, a OAB subseção Jacobina lamenta a morte e diz que acompanha o caso, para garantir que todas as providências necessárias sejam tomadas. A OAB vai pedir à Secretaria da Segurança Pública (SSP) que designe uma comissão especial, com presença de um representante do órgão, para seguir as investigações. 

O caso é investigado pela delegacia da cidade. Correio

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: