Ação integrada encontra 180 kg de entorpecentes na região Sul

Cerca de 180 kg de entorpecentes foram encontrados enterrados em barris e caixas, em uma área de mato do Assentamento Santa Rita, na zona rural do município de Macoste, durante Operação Nero, na tarde de quinta-feira (25). A segunda fase da ação conjunta contou com integrantes das Polícias Militar e Civil.

Com o apoio de cães farejadores, os policiais fizeram varreduras na área e perceberam uma diferença no solo. “Na continuidade da Operação Nero, os policiais permaneceram vasculhando a área, cavando em locais de solo mexido e encontraram o material ilícito”, explicou o comandante da 7ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Eunápolis), major Vagner Ribeiro. 

De acordo com o oficial, os 100 quilos de cocaína e 80 de maconha prensada foram enterrados dentro de caixas e tonéis para dificultar a atividade policial.

A segunda fase da Operação Nero foi desencadeada na última segunda-feira (22), com objetivo de alcançar integrantes de uma organização criminosa envolvida com tráfico de entorpecentes e crimes contra a vida. O grupo também queimou veículos de serviço público, na cidade de Eunápolis.

Ao todo, na segunda fase da ação, foram apreendidos mais de 360 kg de drogas, uma submetralhadora, quatro pistolas calibre 9 milímetros, um revólver calibre 44, carregadores para pistola, 38 munições para as armas e três balanças .

A ação foi coordenada pela 23ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/ Eunápolis) e contou com as participações das 7ª e 62ª CIPMs (Eunápolis e Camacã), das Companhias Independentes de Policiamento Especializado (Cipes) Cacaueira e Mata Atlântica, além da Rondesp Sul.

Todo o material foi apresentado na 23ª Coorpin. Informe baiano – Foto: SSP

Deixe uma resposta