Vagner Mancini pede calma ao torcedor do Vitória após 1ª derrota em 2018

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×

O técnico Vagner Mancini pediu calma ao torcedor do Vitória após a primeira derrota do time na temporada de 2018. O Leão caiu diante do ABC pelo placar de 3 a 1 neste sábado no estádio do Frasqueirão, em Natal, pela terceira rodada da Copa do Nordeste. Antes de começar a entrevista coletiva, Mancini fez um protesto em apoio ao treinador Oswaldo de Oliveira, demitido do Atlético-MG na última quinta-feira (8), após discutir com um jornalista.

“Eu diria que é início de temporada e a derrota faz parte do futebol. É lógico que a gente fica chateado, não gosta. Mas a gente tem que ver os méritos do ABC que jogou bem organizado e chegou a uma vitória merecida. Já são oito ou nove jogos no ano, vinha de atuações belíssimas e hoje não foi tão bem. Que essa derrota sirva exatamente para que a gente possa acertar mais”, afirmou o treinador do Leão.

Ele lamentou as falhas da defesa. “Eu vi o Vitória jogando de uma forma diferente do que vinha atuando. Até fez um bom primeiro tempo, levou o gol numa bobeada de saída de bola. ABC tem um ataque rápido, roubou a bola e fez 1 a 0. A gente equilibrou o jogo, empatou e passamos a mandar na partida. No segundo tempo ficou mais equilibrado e o Vitória insistiu muito nas jogadas por dentro do campo e acabou gerando uma série de contra-ataques e dois desses lances acabaram saindo os gols do ABC, que é uma equipe bem organizada e rápida. Foi um bom jogo de se assistir. Infelizmente a gente sai chateado, porque não era o intuito sair daqui derrotado”, disse.

Para o comandante do Leão, os homens de meio campo, responsáveis pela armação das jogadas não funcionaram como deveriam. Segundo Mancini, foi determinante para que o time deixasse espaços para o ABC jogar. “Achei que nossos meias, Neilton, Rhayner e Yago, não fizeram bom jogo. A bola acabou não ficando do jeito que deveria nos nossos pés. A articulação e armação das jogadas na parte frontal do gol do ABC acabou de certa forma não sendo eficiente. O cansaço desses homens acabou fazendo com que a nossa equipe jogasse espaçada, o que não é normal. Kanu e Bruno ficaram muito distante e em função disso acabamos dando muito espaço para o ABC”, analisou.

Com a derrota em Natal, o Vitória caiu para a segunda colocação do Grupo B do Nordestão com seis pontos. O ABC tomou a liderança ao somar nove. O próximo desafio do Rubro-negro será na quinta-feira (15), diante do Corumbaense, pela segunda fase da Copa do Brasil. O embate está marcado para às 18h15 no horário de Salvador, no estádio do Barradão, na capital baiana. Pela Copa do Nordeste, o time volta ao gramado no dia 11 de março para encarar novamente o ABC, mas no Barradão.

Bahia Notícias

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×