Suspeito de matar cabo da PM morre após confronto com militares; no Nordeste de Amaralina

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×

A polícia encontrou arma, munições e drogas com suspeito. Militar foi morto a tiros na madrugada deste sábado (9).

Um homem morreu após entrar em confronto com a Polícia Militar, no final da manhã deste sábado (9), no bairro do Nordeste de Amaralina, em Salvador. Conforme a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), ele é um dos suspeitos de matar o cabo Gustavo Gonzaga da Silva, nesta madrugada.

O homem foi identificado apenas pelo apelido de “Budigo”. A polícia informou que ele foi encontrado na Rua dos Posseiros, com revólver, munições e drogas, durante uma ronda dos policiais.

Segundo a SSP, quando avistou a viatura, Budigo correu, atirando na direção dos policiais. Houve troca de tiros e durante o confronto ele foi baleado. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu aos ferimentos.

A SSP disse ainda que testemunhas informaram que Budigo teria participado do crime contra o cabo Gustavo Gonzaga. Outros suspeitos também estão sendo investigados e são procurados. Com Budigo a polícia apreendeu um revólver calibre 38, munições e 35 pinos de cocaína.

Segundo a Secretaria da Segurança, ainda no final da manhã deste sábado, o irmão de outro suspeito de participar da morte do PM foi preso, com drogas. A SSP informou que Reinaldo Costa Soares, 26 anos, é irmão e comparsa de ‘Keka’. Com ele equipes da Rondesp Atlântico apreenderam pinos de cocaína.

Reinaldo foi encontrado na Rua do Balneário, quando, segundo uma denúncia da polícia, se preparava para fugir do bairro. O irmão dele é suspeito, junto com Budigo, de participar do assassinato do cabo Gustavo.

Reinaldo foi encaminhado para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). G1

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×