Porque cães cheiram o bumbum uns dos outros

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×

Essa é mais uma atitude canina que pode parecer engraçada e até desconfortável para algumas pessoas, mas que é super natural para os cães. Esse ato tem uma explicação totalmente científica e que faz todo sentido.

Nesse artigo você vai entender como funciona a linguagem e comunicação química canina e saber por que é natural os cães cheirarem o bumbum uns dos outros.Comunicação Química

A comunicação química é algo muito comum na natureza e faz parte dos instintos dos animais, não adianta querer mudar isso para querer que seu cãozinho seja mais educado, na verdade eles estão sendo muito educados ao cheirar o bumbum uns dos outros, pois isso faz parte da comunicação química deles.

O que acontece é que ficam localizadas no bumbum as glândulas anais, elas eliminam odores e um líquido com uma série de componentes químicos. Quando um cãozinho cheira o bumbum do outro ele está pegando informações nessas glândulas do colega canino.

Como funciona?

Pare de achar que um cão cheirar o bumbum do outro é constrangedor ou que pode significar que ele tenha interesse sexual no outro cão, ele está apenas coletando informações. Ao cheirar as glândulas de outro do colega, o cão consegue obter informações como a idade, gênero, do que o outro cão se alimenta e descobre até o estado emocional do cão.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre os cães assistirem televisão e entenda mais sobra a visão canina.

É isso mesmo, dizem que os cães farejam o medo nas pessoas, e essa informação está corretíssima, isso porque o olfato dos cães é extremamente apurado. Humanos, cães e outros animais expelem substâncias químicas que “falam” muito sobre seu estado emocional.

Por isso quando um cãozinho cheira o bumbum do outro ele consegue essas valiosas informações e sabe se é interessante para ele ter um contato maior com aquele cão, dependendo se o cão está tranquilo ou não.

Cães que não gostam de cheirar ou ser cheirados

Sim, esses cães existem, no geral os cães podem ter comportamentos parecidos com o dos humanos, alguns humanos são mais sociáveis do que outros e alguns de nós não gostam de conversar com desconhecidos.

O mesmo acontece com alguns cães, isso pode ser uma interferência da raça, sendo que algumas raças não são chegadas em conviver com outros animais e também pode ser da personalidade do cão.

O mais provável é que cães que não gostem da aproximação de outros e nem de se aproximar para cheirar outros cães apenas não tenham sido bem socializados quando filhotes. Um cão que não tem o costume de passar um tempo com outros cães pode desenvolver esse comportamento e não permitir ser cheirado.

Isso não é exatamente um problema, mas o ideal é que os cães sejam o mais socializados possível com outros cães e pessoas, isso traz maior equilíbrio mental a eles. Então se seu cão é assim e você quer mudar isso tente socializa-lo mais em parques e com filhotes – que são mais facilmente aceitos – aos poucos seu cão pode se tornar sociável.

R7 Notícias

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×