Manifestantes saem às ruas em 10 Estados e no Distrito Federal

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×

Maioria dos atos defende o impedimento da presidente afastada Dilma Rousseff. Mas apoiadores da petista também se manifestam neste domingo.

Milhares de manifestantes saíram às ruas de dez Estados e do Distrito Federal neste domingo em atos pela consolidação do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff. Concomitantemente, outras milhares de pessoas realizam protesto em seis Estados pela volta de Dilma ao poder e contra o presidente interino Michel Temer. As secretarias de Segurança Pública dos Estados ainda não divulgaram as estimativas dos participantes. Em Brasília, a Polícia Militar estimou em 5.000 o total de manifestantes contra Dilma.

Os maiores atos se concentram neste momento em São Paulo. Convocados pelo Vem pra Rua, os favoráveis ao impeachment ocupam a Avenida Paulista, no centro de São Paulo; e os contrários ao processo se aglomeram no Largo da Batata, na Zona Sul da capital paulista, sob a coordenação da Frente Povo Sem Medo, que reúne movimentos de sem-teto e grupos sindicais.

No Rio de Janeiro e em Brasília os atos começaram de manhã e já terminaram. No Rio, os manifestantes levaram cartazes em inglês a fim de chamar a atenção dos jornalistas estrangeiros e turistas que vieram à cidade para acompanhar os Jogos Olímpicos. Em Brasília, os grupos inflaram o boneco Petralovski como crítica ao presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, que conduzirá o julgamento do impeachment no Senado. Os manifestantes criticam a demora na conclusão do processo de impedimento da presidente afastada, que só deve ocorrer no fim de agosto.

Comparadas aos mega protestos anteriores, as manifestações pró-impeachment deste domingo mobilizaram menos gente. Em clima de Olimpíada e volta às aulas, os movimentos Brasil Livre e Nas Ruas perceberam a baixa adesão da população nas redes sociais e decidiram adiar o ato para 21 de agosto. O Vem pra Rua, por sua vez, decidiu manter o protesto que até agora é o mais vazio deste ano.

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×