Juventus perde quase 10% na Bolsa após acusação de estupro contra Cristiano Ronaldo

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×

As ações da Velha Senhora, que haviam disparado desde a chegada a Turim do atacante português, fecharam em queda de 9,92% a 1,19 euro, em um mercado em retrocesso de 1,29%.

As ações da Juventus fecharam em queda de quase 10% nesta sexta-feira na Bolsa de Milão, enquanto cresce o mal-estar em torno de Cristiano Ronaldo, acusado de estupro nos Estados Unidos.

De acordo com o Globo Esporte, as ações da Velha Senhora, que haviam disparado desde a chegada a Turim do atacante português, fecharam em queda de 9,92% a 1,19 euro, em um mercado em retrocesso de 1,29%.

A Polícia de Las Vegas anunciou na segunda-feira a abertura de uma investigação por conta da ação apresentada por Kathryn Mayorga, hoje com 34 anos. Ela afirma que Cristiano Ronaldo a forçou a fazer sexo anal em junho de 2009.

O jogador negou “firmemente” as acusações e afirma que estupro é “um crime abominável”, mas os principais patrocinadores começaram a manifestar preocupação – entre eles a Nike e a EA Sports (editora do videogame Fifa). Metro1

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×