Dirigente do Cruzeiro diz que dívida com o Fla por Mancuello é de R$ 700 mil e que vai pagar

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×

Devo, não nego, pago na segunda-feira. É desta forma que o Cruzeiro está tratando a situação do volante argentino Federico Mancuello. O clube mineiro acertou apenas uma parte do valor total da transferência ao Flamengo, clube ao qual o jogador pertencia.

Itair Machado, vice-presidente executivo da Raposa, falou sobre o assunto em entrevista à ‘rádio 98FM’ nesta sexta-feira.

“A gente tem uma dívida do Mancuello de R$ 700 mil. Vamos pagar na segunda-feira, a gente tinha combinado de quitar o valor após a Copa do Brasil”, disse Itair sem deixar claro se falava da dívida total ou só de uma parcela.

O EXTRA apurou que o valor (que é equivalente a uma parcela) que o Cruzeiro alega ter combinado pagar na próxima segunda venceu dia 20 de setembro. O clube teria dez dias de tolerância. Na segunda-feira venceria na verdade a terceira parcela da dívida escalonada. O Flamengo, agora, só aceita receber o valor total (R$ 4 milhões, já com multa e juros).

A diretoria do Rubro-Negro entrou na Câmara Nacional de Resolução de Disputas com um pedido de penhora da premiação financeira do Cruzeiro pelo título da Copa do Brasil (R$ 50 milhões só pela vitória na final e R$ 62 milhões contando toda a competição).

Segundo apuração junto ao Flamengo, após acordo entre os clubes, o time mineiro pagou apenas a entrada e a primeira parcela da dívida total de R$ 6 milhões. A segunda parcela venceu no dia 20 de setembro e ainda está em aberto. O Flamengo tentou receber por mais de um mês, mas não obteve retorno. Agora, o caso será tratado pelo advogado Michel Assef Filho no foro desportivo, pois o retorno é mais rápido do que na Justiça comum e foi o âmbito definido no acordo anterior.

Extra

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×